Regulamento Art&Factory – Heritage

1. Condições de participação

O Art&Factory – Heritage é uma competição entre equipas de produção audiovisual nacionais ou estrangeiras, com o objetivo de promover o Património do Centro de Portugal e que tem como principais focos a Gastronomia da Região de Coimbra, as Aldeias do Xisto e as Aldeias Históricas de Portugal.

Cada equipa deve ser constituída por um mínimo de 3 e um máximo de 4 elementos, estando a duração das filmagens prevista para 4 dias, com início no dia 17 de Outubro.

As equipas candidatas devem:

a) Fazer prova de que possuem experiência na área da produção audiovisual.

b) Aceitar as condições apresentadas no regulamento.

c) Escolher um dos temas da competição (Gastronomia da Região de Coimbra, Aldeias Históricas, Aldeias do Xisto).

d) Ter disponibilidade para custear a sua deslocação do país/local de origem.

e) Dispor de todos os equipamentos necessários à produção dos seus vídeos.

f) Assumir a responsabilidade pelos direitos de autor das bandas sonoras utilizadas nos seus filmes.

g) Manifestar a disponibilidade para partilhar os direitos de utilização e transmissão dos filmes produzidos no âmbito do Art & Factory – Heritage a qualquer uma das organizações que integram a rede de parceiros deste concurso.

h) Até 20 de setembro, as equipas participantes devem apresentar um plano de filmagens com indicação das film locations necessárias tendo em vista a obtenção de licenças.

2. Apoio logístico e material às equipas

O apoio a conceder a cada equipa por parte da instituição gestora da marca territorial correspondente (CIM Coimbra, ADXTUR, AHP e AHRESP) inclui:

(i) técnico para apoio à produção;

(ii) alojamento;

(iii) alimentação;

(iv) transporte entre o local de alojamento e os locais de filmagem (caso a equipa não disponha de viatura própria).

3. Elegibilidade: conteúdos, locais de filmagem, formatos e número de equipas

A fim de assegurar condições similares para todas as equipas, mas sem limitar a respetiva liberdade de decisão, estão definidos os seguintes princípios:

a. Localizações elegíveis para filmagens:

  • Tema “Gastronomia da Região de Coimbra”: qualquer um dos 19 municípios que integra a Comunidade Intermunicipal de Coimbra: Mira, Cantanhede, Figueira da Foz, Montemor-o-Velho, Mealhada, Coimbra, Mortágua, Penacova, Oliveira do Hospital, Tábua, Arganil, Vila Nova de Poiares, Pampilhosa da Serra, Góis, Lousã, Miranda do Corvo, Penela, Condeixa-a-Nova e Soure.
  • Tema “Aldeias Históricas de Portugal”: qualquer uma das 12 aldeias que integram a Rede das Aldeias Históricas de Portugal, podendo incluir os trajetos e locais de interesse entre essas aldeias: Almeida, Belmonte, Castelo Mendo, Castelo Novo, Castelo Rodrigo, Idanha-a-Velha, Linhares da Beira, Marialva, Monsanto, Piódão, Sortelha e Trancoso.
  • Tema “Aldeias do Xisto”: qualquer uma das 27 aldeias que integram a Rede das Aldeias do Xisto, podendo incluir os trajetos e alguns locais de interesse entre essas aldeias: Água Formosa, Aigra Nova, Aigra Velha, Aldeia das Dez, Álvaro, Barroca, Benfeita, Candal, Casal de São Simão, Casal Novo, Cerdeira, Chiqueiro, Comareira, Fajão, Ferraria de São João, Figueira, Gondramaz, Janeiro de Baixo, Janeiro de Cima, Martim Branco, Mosteiro, Pedrógão Pequeno, Pena, Sarzedas, Sobral de São Miguel, Talasnal e Vila Cova de Alva.

b. Tipos de conteúdos elegíveis:

Independentemente do tema escolhido, os conteúdos dos filmes podem incluir os seguintes tópicos:

1. “Património”; 2. “Experiências”; 3. “Cultura viva”; 4. “Sabores”; 5. “Caminhos e Rotas”, 6. Ou uma combinação de dois ou mais desses tópicos.

c. Formatos elegíveis – cada equipa deve escolher um de dois formatos:

  • Vídeo promocional, com duração de 2 a 3 minutos;
  • Documentário curto, com duração de 6 a 7 minutos.

O filme produzido deve ser entregue à organização do Festival ART&TUR até às 22:00 do dia 23 de outubro, através do seguinte e-mail: beatriz.dinis@cportugalfilmcommission.pt

d. Número mínimo de equipas: caso um dado tema não reúna um mínimo de 3 equipas a competição baseada nesse tema não se realizará.

4. Avaliação e atribuição de prémios

O júri internacional decidirá e anunciará os seguintes prémios:

a) Melhores filmes sobre Gastronomia da Região de Coimbra (1º e 2º prémio);

b) Melhores filmes sobre Aldeias do Xisto (1º e 2º prémio);

c) Melhores filmes sobre Aldeias Históricas de Portugal (1º e 2º prémio).

Em cada categoria temática serão atribuídos um ou dois prémios, tendo em consideração as seguintes circunstâncias:

  • Um 1º prémio e um 2º prémio, caso a competição num dado tema reúna 6 ou mais equipas.
  • Apenas um 1º prémio, caso a competição para um dado tema reúna apenas entre 3 e 5 equipas.

Os filmes serão apresentados em estreia no dia 24 de outubro, numa sessão especial do Festival ART&TUR, perante o Júri Internacional do Festival. O Júri, que é constituído por 23 peritos reputados oriundos de 14 países, reunirá de imediato e decidirá os prémios, mantendo a decisão sob rigoroso sigilo até ao seu anúncio na Gala de Prémios ART&TUR 2019, a ter lugar no dia seguinte, dia 25 de outubro.

Além dos membros regulares do Júri do Festival ART&TUR, serão convidados para o Júri desta competição, dois representantes de cada uma das seguintes entidades:

  • Entidade Regional do Turismo Centro de Portugal
  • Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP)
  • Comunidade Intermunicipal de Coimbra
  • Centro de Portugal Film Commission (CPFC)
  • Associação de Desenvolvimento Rede das Aldeias Históricas de Portugal
  • Agência para o Desenvolvimento Turístico das Aldeias do Xisto (ADXTUR)

Os filmes vencedores e demais filmes que a Direção do Festival ART&TUR considere como possuindo elevada qualidade serão promovidos gratuitamente em importantes fóruns internacionais de cinema, através da rede de festivais membros do CIFFT (Comité Internacional dos Festivais de Cinema de Turismo), e integrarão também o pacote de vídeos a serem utilizados na promoção do destino Centro de Portugal.

5. Condições adicionais

  • O líder de cada equipa deve garantir que os direitos de utilização das bandas sonoras incluídas nos filmes estão devidamente salvaguardados.
  • O líder de cada equipa e o diretor do Festival devem assinar um contrato de partilha de direitos de transmissão/exibição. Este contrato também detalha as entidades que devem ser incluídas na lista de créditos do respetivo filme, nomeadamente os nomes das pessoas singulares que, em representação das instituições, colaborem na realização do filme e a designação das instituições envolvidas no Art&Factory – Heritage 2019.
  • Na Gala de Prémios ART&TUR 2019, a realizar no dia 25 de outubro, os vencedores receberão os seus Prémios de Excelência Art&Factory – Heritage 2019 das mãos de um alto dignitário do Estado Português.
  • Todos os demais filmes receberão uma menção honrosa e serão valorizados e devidamente identificados em ações promocionais do festival.
  • Na frame de abertura de cada filme deverá constar uma menção explícita à participação no Art&Factory – Heritage 2019, assim como os logótipos da CPFC – Centro de Portugal Film Commission, ERT Centro de Portugal, AHRESP, entidade gestora da marca territorial (CIM Coimbra, ADXTUR ou AHP) e do Festival ART&TUR.
  • Todos os filmes serão promovidos gratuitamente em importantes fóruns internacionais de cinema, através da rede de festivais membros do CIFFT (Comité Internacional dos Festivais de Filmes de Turismo: www.cifft.com) e integrarão também o pacote de vídeos a ser utilizado na promoção do destino do Centro de Portugal.
  • Todos os membros das equipes de produção receberão um certificado de participação.